Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

domingo, 22 de setembro de 2013

2762 - Frangosul: uma empresa que mudou o Vale do Caí

O complexo da Doux Frangosul foi criado por Afonso Wallaur, 
seus filhos e genros

A empresa Frangoul SA teve papel fundamental na história do Vale do Caí. Além de se constituir numa das maiores empresas industriais da região, ela teve o mérito de impulsionar o desenvolvimento agropecuário da região ao incentivar a implantação de milhares de aviários e pocilgas. Municípios como Tupandi, Pareci Novo, São José do Sul, Harmonia e Maratá devem muito do seu excelente desenvolvimento econômico á rodução de frangos e suínos benefiiciados e comercializados pela empresa. 
Vendida para a francesa Doux, a empresa veio a ter problemas, que foram se agravando até o fechamento, em 2012. Felizmente, a brasileira JBS arrendou as instalações da empresa, em Montenegro, e vem dando continuidade ao trabalho iniciado há muitos anos pelos criadores da Frangosul.

A história da Frangosul teve início no ano de 1934, quando Afonso Cristóvão Wallauer começou suas atividades, como comerciante, em Salvador do Sul. 
Em 1966, Afonso Wallauer formou sociedade com seus filhos, criando a Wallauer & Filhos Companhia Limitada, com matriz em Montenegro. Ao mesmo tempo, a empresa expandiu as suas atividades, entrando no ramo de supermercado, comércio de material de construção e criação de aves de postura.

Em 1970, Afonso e os filhos fundaram a Granja Pinheiros Ltda, dedicada à produção de carne de aves. A empresa cresceu e, em 1974, mudou seu nome para Frangosul SA, Agroavícola Industrial. 

Construíu, então, um moderno abatedouro, que começou com a capacidade de 8.000 aves/hora.

Em 1976 foi criada a Granja Campestre Ltda, em Salvador do Sul, para a criação de pintos de um dia. Os sócios dessa empresa eram os mesmos da empresa mãe: Afonso Cristóvão Wallauer, Flávio Sérgio Wallauer, Astor Luiz Wallauer, Enor Domingos Müller e Heitor José Müller.

Em 1979 foi fundada a Indústria de Rações Frangosul Ltda, que tratou da construção de uma fábrica de rações em 1980.

De janeiro a novembro de 1983, a produção da empresa foi de 12.468 toneladas, no valor de 10 milhões de dólares.

Dados extraídos do Montenegro de Ontem e de Hoje, 3º volume



Nenhum comentário:

Postar um comentário