Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

quarta-feira, 9 de abril de 2014

3885 - Fábrica de gasogênio em Montenegro




















A segunda Grande Guerra (de 1939 a  1945) foi, de fato, a primeira guerra realmente mundial. Ela envolveu e atingiu países de todo mundo. Até o Brasil mandou soldados para combater na Europa. E os brasileiros que ficaram por aqui também foram afetados.
Os submarinos alemães bombardeavam e afundavam navios dos países aliados, inclusive os navios cargueiros. 
Com isso, lá pelo ano de 1942, não chegava mais petróleo ao Brasil e, como o país também não tinha produção de óleo, faltou gasolina nas bombas e os veículos motorizados não podiam mais andar.
A solução foi apelar para o gasogênio, máquinas que funcionavam a carvão, com as quais era possível fazer os automóveis e caminhões andarem sem gasolina.
Era um sistema bastante complicado e precário. E o pior é que o gasogênio era uma máquina grande e pesada, que precisava ser carregada com o carro.
Em Montenegro, a oficina de Delfino Schüller era uma fábrica dessas engenhocas, como se pode ver pelas fotos preservadas pelo seu neto Newton Schüller.

Fotos do acervo de Newton Schüller




Nenhum comentário:

Postar um comentário