Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

4623 - Cena de violência no Caí

Políciais perseguem assaltantes da Caixa Federal

Na década de 1990, uma quadrilha assaltou a agência da Caixa Econômica Federal. A Brigada perseguiu os criminosos, houve tiroteio e uma bala perdida atingiu um caiense que andava na rua naquele momento e causou a sua morte.
Uma das mais violentas cenas ocorridas no centro da cidade em toda a história. 
Na foto, os brigadianos perseguem assaltantes que se refugiaram no prédio em que funcionavam as lojas Kranz e Kitutes Tia Kota.
O homem baleado era Ivo Stringhi, dono de uma oficina de refrigeradores instalada no prédio em que hoje se encontra o Super Mercado Ledur, na rua Coronel Paulino Teixeira.
A loja Kitutes Tia Kota ainda existe, na rua São João, perto dos prédios da fábrica Oderich, bairro Navegantes.
A peça onde funcionava a Kitutes Tia Kota é a mesma em que o joalheiro caiense Fridolino Leindecker teve sua loja na década de 1920. Fridolino ficou famoso pela  ousadia de tentar construir um avião, em Harmonia. Sem êxito. Depois teve sucesso na carreira de joalheiro em Montenegro.

Foto do acervo de Vilson Nunes da Silva


Nenhum comentário:

Postar um comentário