Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

5228 - Sucesso dos eventos no Parque Centenário favorece a implantação da indústria do turismo no Caí

O extraordinário sucesso do Encontro de Carros Antigos 
motivou os caienses a realizar outros eventos no local


Nos últimos anos o Caí se transformou numa das cidades mais visitadas do estado. Um fato notável, se for considerado que é uma cidade relativamente pequena.
A razão desse sucesso se deve ao fato da cidade haver desenvolvido uma extraordinária capacidade para produzir eventos atrativos.
No Caí acontece o maior encontro de carros antigos do estado, além de dezenas de outros eventos que acontecem no excelente Parque Centenário. 
É no Caí, também, que acontece o encontro anual dos fiéis devotos de Nossa Senhora Aparecida do Sul, no santuário que está sendo erguido no bairro Conceição.
Os caienses aprenderam a fazer eventos de grande porte através da sua Festa de São Sebastião e da Festa da Bergamota.
O sucesso da Festa da Bergamota estimulou a prefeitura a criar o seu parque municipal - o Parque Centenário -  e a aprimorá-lo a cada realização do evento.
Chego-se ao ponto, agora, em que está se criando a meta de realizar eventos estaduais no parque em todos os finais de semana. E esses eventos servirem para a criação de algo ainda maior: a implantação da indústria do turismo no município.
A exemplo do que aconteceu em Gramado e Canela, a atração de turistas para os eventos locais deverá ser o meio pelo qual se implantará essa lucrativa indústria, capaz de aumentar a renda e melhorar as condições de vida da população caiense.
Em vários lugares do mundo, o turismo é a principal fonte de renda da população. Pela sua capacidade de gerar empregos, ele é chamado de “indústria sem chaminés”
A extraordinária localização da cidade, próxima a Porto Alegre e Caxias, que são os dois principais polos econômicos do estado, favorece a implantação da indústria turística no município.

Foto da divulgação do evento

Nenhum comentário:

Postar um comentário