Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

sábado, 21 de setembro de 2013

2755 - São Sebastião do Cai: a venesa riograndense

    Não é um gondoleiro

    Rua Coronel Paulino Teixeira, que também é conhecida como rua da rodoviária. 
    Poderia ser rua da igreja, já que o prédio da igreja evangélica luterana, que aparece na foto, é muito mais notável do que o da estação rodoviária, que não aparece.
    A maior popularidade da rodoviária se justifica porque ela era usada por quase toda a população caiense, enquanto que a igreja serve apenas à bem pouco numerosa (embora notável) comunidade evangélica luterana.
    Esta é uma foto bastante antiga. Haja visto os postes de iluminação situados no meio da rua.
    Provavelmente, da década de 1940 ou 1950.
    Hoje o lado esquerdo da rua, onde se vê coqueiros e bananeiras, mudou muito. A quadra toda foi ocupada por prédios comerciais. Mas os prédios que vemos nessa velha foto, quase todos ainda existem, sem muita alteração.
    O primeiro prédio que se vê à esquerda é o da fábrica de fraldas descartáveis Pat. No lado direito da rua, se avista primeiro o prédio da Casa Velten, antiga loja de tecidos e confecções, que já não existe. Mas o prédio ainda está lá. Adiante se vê um terreno baldio, de esquina, onde hoje se encontra o cartrio de Pio Renato Glaeser.
    Adiante se avista uma pequena garagem (que foi demolida) e a casa de Helmuth Webster e a de Helmuth Webster, que passou por ampla reforma, mantendo grande parte das suas antigas características.

    Foto do acervo do jornal O Município, disponibilizada no Facebook
    por Lu Bohn






    Nenhum comentário:

    Postar um comentário