Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

domingo, 16 de março de 2014

3802 - Duas fotos da Usina Maurício Cardoso em ruínas






Abandonada há algumas décadas, a antiga usina municipal foi estava
em ruínas quando surgiu a ideia da reforma e transferência da Câmara
de Vereadores para aquele prédio


A Usina Maurício Cardoso, situada junto ao cais do porto, foi um grande orgulho para Montenegro. Seu prédio imponente se destacava na margem do rio e nele era produzida energia para abastecer não só a cidade de Montenegro mas também a do Caí, além de localidades próximas, como Pareci Novo.
A usina era uma termoelétrica que utilizava combustível que vinha até Montenegro em tonéis em barcos, pelo rio Caí. Por isso a localização junto ao cais era privilegiada.
O prédio foi construído num nível elevado, acima das maiores enchentes e, com isso a geração de energia não era interrompida. A transmissão da energia gerada também não ficava sujeita a interrupção, pois era feita (como hoje) através de cabos suspensos através de postes, ficando, portanto, acima do nível das enchentes.
A inauguração da usina ocorreu no ano de 1938 e ela foi muito eficiente e útil. Tanto que permitiu o fechamento da usina que havia sido construída poucos anos antes no Caí. Era mais econômico comprar a energia da Maurício Cardoso.
Mesmo assim, a usina não funcionou por muito tempo. Com a implantação de grandes usinas hidroelétricas e redes de transmissão de grande extensão e eficiência, pequenas usinas municipais, como a de Montenegro, tornaram-se antieconômicas.

Fotos postadas por Marcelo Teixeira da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário