Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

quarta-feira, 2 de abril de 2014

3858 - 1º de abril

No dia 1º, quem era feito de bobo não podia reclamar

No dia 1º de abril, dia dos bobos, era costume aplicar uma peça nas outras pessoas. Principalmente no início do dia, quando as pessoas  ainda não estavam cientes  de que aquele dia era o 1º de abril, os mais atentos aproveitavam para fazer aplicar uma "atochada". Ou seja, uma mentira ou um susto baseado numa mentira. Até os jornais aplicavam peças em seus  leitores.
Certa vez, num ano em que a edição semanal do Fato Novo coincidiu com a data de primeiro de abril, o Fato Novo estampou nas suas capas (eram duas, na época) duas manchetes bombásticas: uma delas dizia que um banco havia sido roubado no Caí; outra anunciava um acidente com centenas de vítimas fatais.
Nenhuma delas era mentirosa, mas o banco que havia sido roubado no Caí era o banco da antesala do consultório do doutor Bruno Cassel, médico e prefeito da cidade.
Quanto ao acidente, também houve realmente, mas foi com um caminhão que transportava frangos e as vítimas  fatais foram a aves.

Nenhum comentário:

Postar um comentário