Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

terça-feira, 1 de julho de 2014

4194 - Os grupos teatrais de Montenegro

O grupo GCTAM já fazia sucesso na desde a década de 1920, mas o auge
da sua atividade foi na década de 1940, quando enfrentava a concorrência
do grupo Netojos

O grupo de teatro amador GCTAM (Grupo Cênico de Teatro Amador Montenegro), que atuou na década de 1940, começou suas atividades antes do rival NETOJOS. Ele era comandado pelos Milton Gesswein e sua esposa e Bruno Müller e esposa e contava com a participação de muitas pessoas bastante conhecidas de Montenegro. Quando surgiu o grupo rival, o interesse pelas apresentações dos dois grupos aumentou.
O Grupo Cênico Netojos foi dirigido pelo baixinho José Toscano Neto





O grupo cênico NETOJOS surgiu de uma dissidência do GCTAM. Era comandado pelo baixinho da foto acima: José Toscano Neto.
Os dois grupos se apresentavam no Cine Goio-en e também excursionavam para apresentações em outras cidades.

Estão nessa foto pessoas conhecidas com Latino Carvalho (o noivo), Abilio Marca, Guido Ruschel, Querida Coelho. Atrás do cesto de flores, vê-se o  líder do grupo José Toscano Neto, que era também o ponto (pessoa que ficava em frente aos atores, escondido, com a função de "soprar" para os atores partes do texto que eles esqueciam. Toscano foi gerente da agência do correio, em Montenegro, por mais de 30 anos e faleceu no final dos anos 50. O nome do grupo era formado por partes dos nomes do seu criador: Ne, de Neto; To, de Toscano; e Jos, de José.
A terceira foto na sequência acima mostra os atores numa outra peça encenada pelo Netojos. Entre eles, Latino Americano Carvalho, Guido Ruschel e Querida Coelho (a segunda da esquerda para a direita).



No ano de 1924, o teatro era uma das atividades mais apreciadas no Clube Riograndense. O grupo amador formado por sócios do clube apresentava peças inteiramente faladas em alemão. Língua que, naquela época, era a mais falada pelos sócios do clube. Quase todos de origem alemã. Mas o grupo também apresentava peças faladas em português. As apresentações ocorriam no Cine Riograndense, que também pertencia ao clube.
Entre os atores estavam Tony Heller, Guilermina Jahn.Max Voraus,Noca Weisseimer e Erna Leipnitz. Numa época em que ainda não existiam telenovelas e nem sequer as radionovelas, as apresentações desse grupo eram uma sensação em Montenegro.

Fotos do acervo de Romélio Oliveira e pesquisa do mesmo

Nenhum comentário:

Postar um comentário