Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

5179 - Historia de Bom Princípio

O 12º livro de Felipe Kuhn Brau narra a história de Bom Princípio
BOM PRINCÍPIO - Brevemente, os principienses terão o privilégio de contar com mais um livro inteiramente dedicado à história do seu município. E não será um simples livro.
“História de Bom Princípio: a antiga Picada Winter” é obra assinada por um autor consagrado. O autor, Felipe Kuhn Braun, é um dos maiores conhecedor da história da imigração alemã no Rio Grande do Sul.
Essa afirmação pode parecer exagerada, pois existem muitos outros estudiosos desse assunto tão importante. Mas ela tem fundamento, pois esse é  o 12º livro lançado por Felipe. Todos eles abordando o tema da imigração alemã no estado.
O que causa estranheza é o fato de  Felipe ter apenas 28 anos. Normalmente, uma pessoa tão jovem ainda não acumulou conhecimento suficiente para escrever uma obra como essa.
Mas ele não é um jovem como os outros. Desde os quatorze anos de idade, percorre as regiões de colonização alemã no estado e, inclusive, regiões como o oeste catarinense, nordeste da Argentina e sul do Paraguai, para as quais famílias dos vales do Caí e do Sinos emigraram (principalmente no início do século passado).
Nessa sua peregrinação, Felipe reuniu 30.800 fotografias  antigas (feitas entre 1860 e 1960), além de documentos, cartas e outros escritos dos antigos imigrantes e seus descendentes.
Esse acervo incrível serviu para que ele, há cinco anos,  criasse o site Imigração Alemã. Também há cinco anos, Felipe lançou o seu primeiro livro, intitulado “História da imigração alemã no sul do Brasil”. Depois desse, publicou mais dez livros seus: “Memórias de imigrantes alemães e seus descendentes no sul do Brasil”, “Cartas e relatos  de imigrantes alemães, Novo Hamburgo: da fundação à emancipação política 1824-1927”, “Tramandahy: as idas à praia no início do século XX”, “História de Linha Nova: 1847-1945”, “Família Kuhn - 500 anos de história - Origens e descendência dos Kuhn de Picada Café”, “Alemães no Brasil”, “São Miguel dos Dois Irmãos: o primeiro século de história” e “A morte: antigas tradições e suas representações no sul do Brasil”.
Para se ter uma ideia da capacidade desse jovem vale lembrar que o História de Bom Princípio é o terceiro livro seu lançado nesse ano.
O LIVRO
No livro dedicado a Bom Princípio, repleto de imagens, Felipe Kuhn Braun escreve sobre a fundação de Bom Princípio destacando a história do primeiro morador, Guilherme Winter (que teve a iniciativa de vender lotes para colonos), e das primeiras famílias que se estabeleceram em suas terras. 
O livro apresenta o histórico da paróquia Nossa Senhora da Purificação, a atuação dos Padres Jesuítas e a transformação da localidade numa das comunidades católicas mais importantes no Rio Grande do Sul. Registra ainda a história das casas comerciais, das noivas de preto da antiga Picada dos Winter, a chegada dos Irmãos Maristas e das Irmãs da Congregação de Santa Catarina, além de destacar as migrações de principienses para as demais localidades do Vale do Caí, para as regiões Norte, Missões do estado, Missões argentinas e as perseguições que os moradores de origem germânica sofreram durante a Segunda Guerra Mundial.
O relato vem acompanhado de dezenas de fotografias das famílias, das antigas residências que foram lar de várias gerações de principienses, mais os registros fotográficos de importantes momentos da vida comunitária.
O livro, que tem 215 páginas e mais de 150 fotos. já pode ser adquirido através de contato com o autor,  pelo fone 99188094.

Matéria publicada no jornal Fato Novo em 2 de setembro de 2015

2 comentários:

  1. Sou escritora e gostaria de conhecer mais seus livros. Atualmente pesquiso sobre os imigrantes alemães vindos para São apaulistado em 1927. Qualquer informação ou indicação será muito bem vinda. Grata

    ResponderExcluir