Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

5293 - Os retratos de Mariza e Herta Fuchs

Quadro de Herta Fuchs pintado a partir de uma foto


Quadro de Mariza Fuchs pintado a partir da foto abaixo

Mariza com seu irmão Paulo. Esta foto serviu de modelo para a pintura mostrada acima

Em meados do século XX era comum encontrar-se, em residências da classe média, quadros de formato ovalado com a pintura de pessoas da família: geralmente do marido e da esposa em quadros separados.

As imagens eram coloridas, mas não eram fotos. Até porque, naquela época, as fotos coloridas eram coisa rara. Praticamente inexistente entre pessoas de classe média ou baixa. 
Já existia a técnica da colorização, na qual o fotógrafo habilidoso conseguia tornar azul o céu numa foto originalmente em preto e branco.  Cartões postais colorizados, com paisagens das cidades gaúchas já eram vendidos na primeira década do século XX. Foram feitos, naquela época, cartões assim com paisagens de Montenegro, Caí e outras cidades.
Dentro deste contexto tornaram-se muito comuns os quadros de pessoas da família pendurados nas paredes da sala de residências.
Assim foi, por exemplo, na casa da casal Arno e Herta Fuchs, situada na localidade de Matiel, situada então no município de Montenegro (hoje no de Pareci Novo). 
Na década de 1950 o casal adquiriu um par de quadros coloridos. Um com a imagem de dona Herta e outro com a da única filha do casal, Mariza Fuchs. 
Herta e Arno tiveram cinco filhos. Os quatro primeiros eram homens e foram chamados de Carlos, Alberto, Ernesto, Paulo e Mariza. 
Mariza foi a última a nascer e a vinda de uma menina era muito desejada. Por isso ela era tratada, principalmente pelo pai, como uma princesa.
Resultado disso é que, quando um vendedor de pinturas apareceu na casa do casal Fuchs, Arno concordou em adquirir dois quadros. Um da esposa Herta e um da filha Mariza.
Para que o quadro fosse pintado não era necessário que a pessoa retratada posasse para um pintor. 
O vendedor, uma vez confirmado o interesse do cliente em adquirir o quadro, fornecia uma foto da pessoa a ser retratada.
No caso de Mariza Fuchs (Mariza Fuchs Klein, depois do seu casamento) foi possível identificar a foto que serviu de modelo para o trabalho do artista que produziu a imagem do quadro. Quem aparece na foto, com Mariza, é o seu irmão Paulo.
Mariza de frequentar a escola da localidade de Matiel, nos primeiros anos, estudou, no Caí, na Escola Duque de Caxias, mantida pela comunidade luterana de São Sebastião do Caí.
Ela também estudou alguns anos no colégio Sinodal, em São Leopoldo, que é mantido pela comunidade luterana. Trabalhou alguns anos como comerciária em lojas de São Sebastião do Caí e Novo Hamburgo. Ela casou-se com o jornalista e empresário Renato Klein e foi mãe de Daniel e Fábio Fuchs Klein. Tanto Mariza como os filhos desenvolveram habilidades necessárias ao trabalho na empresa Fato Novo Comunicações Sociais Limitada. Liberando, gradativamente, o marido e pai de parte do trabalho que ele acumulava na empresa jornalística.
Dona Herta faleceu no ano de 2008, com a idade de 94 anos. Mariza morreu em 2016, com 65.


Fotos do arquivo familiar e dos quadros pintados na década de 1950



Nenhum comentário:

Postar um comentário