Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

quarta-feira, 21 de maio de 2014

4047 - A paixão futebolística de Olíbio Peters

Neste local, em frente ao antigo armazém Bennemann, aconteceu o acidente
que custou a vida do grande torcedor Olíbio Peters


Desde muito jovem, seu Olíbio (1) gostava de futebol. Foi um dos fundadores do do Esporte Clube Rio Branco e jogou nele por muito tempo. Na época em que ainda jogava, ele fez parte de um time que ficou famoso porque todos os seus integrantes eram parentes, com o sobrenome Peters.
Torcedor fanático do Rio Branco, seu Olíbio, sempre que podia, acompanhava o time. Não importava o clima ou a distância. Todos os conhecidos já estavam acostumados com aquela figura, de casaco, com um guarda-chuva num braço e uma cadeirinha na outra mão.
O seu último (3) domingo não foi diferente. Assistiu à decisão do campeonato (2) e, muito emocionado, torceu pelo seu time, que perdeu o campeonato.
Antes mesmo do jogo, ele já estava xingando o juiz da partida.  Com a perda do campeonato, seu Olíbio ficou muito irritado e voltou logo para casa. Procurou carona entre alguns conhecidos e, não conseguindo, resolveu ir de ônibus.
A morte de seu Olíbio consternou profundamente os moradores do Rio Branco, principalmente no meio esportivo. No enterro, alguns jogadores do Rio Branco e do Guarani compareceram fardados para uma última homenagem. Sobre o caixão, foi colocada a bandeira do Esporte Clube Rio Branco, clube que acomanhou desde a fundação e prestigiou durante toda a sua vida.

Matéria publicada pelo jornal Fato Novo em 3 de maio de 1984

1 - O ano de nascimento de Olíbio Peters foi 1901, portanto, na sua juventude, ele praticamente assistiu à chegada do futebol à região. O time do Rio Branco foi fundado em 1914.

2 - Guarani x Rio Branco, final do campeonato de 1984, com vitória do Guarani por um a zero, gol de Dante. O Guarani, que estava desativado há vários anos, conquistou o título.

3 - Olíbio Peters morreu naquele mesmo dia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário